FCA combina compras e cadeia de suprimentos em novas funções

  • Read this in
  • zh-hans
  • ru
  • es
  • en

Carl Smiley, chief purchasing and supply chain officer, FCA

Carl Smiley (na foto) deixou o fornecedor de eletrônicos TE Connectivity para assumir o cargo recém-criado de chefe de compras e de cadeia de suprimentos da Fiat Chrysler Automobiles (FCA). Ao mesmo tempo, Scott Thiele adicionou ao seu cargo de chefe de compras para a região a responsabilidade de chefe da cadeia de suprimentos na América. Wendi Gentry- Stuenkel, que anteriormente ocupava essa posição, mudou-se para outra empresa fora do setor automotivo, segundo a FCA.

Smiley traz muita experiência automotiva para a FCA. Na TE Connectivity ele era vice-presidente sênior e gerente geral da região Ásia-Pacífico e estava na empresa desde 2012. Antes disso, ele ocupou vários cargos de liderança global na Magna Steyr, incluindo operações de vice-presidente e compras, Ásia, Magna Motor e Transmissão. Mais recentemente, ele havia sido presidente e membro do conselho, Magna Steyr Asia.

Smiley também ocupou anteriormente cargos na GM nos EUA, México e China.

“Carl traz uma experiência global significativa para a FCA e para o GEC tanto em termos de capacidade operacional quanto como um líder comprovado em negócios automotivos”, disse Mike Manley, diretor executivo da montadora.

Na FCA, ele também foi indicado para o Conselho Executivo do Grupo (GEC), o órgão operacional mais alto da FCA, um movimento que parece indicar algo mais global para combinar as funções de compras e cadeia de suprimentos na FCA.

“À medida que levamos a empresa para o novo ano, estamos aprofundando nosso banco de líderes executivos, ao mesmo tempo em que ampliamos o alcance do GEC, adicionando a função de gerenciamento da cadeia de suprimentos”, disse Manley.

Thiele, entretanto, esteve na FCA desde 2007 em uma série de funções de compras e finanças. Ele ingressou como diretor de compras de componentes metálicos (da fabricante de produtos de consumo Whirlpool) e se tornou, mais recentemente, diretor de compras, um cargo que assumiu em 2016.

“Scott tem sido fundamental para trazer consistência global às nossas operações de compras nos últimos anos”, disse Manley. “Agora, ele concentrará seus esforços em impulsionar a inovação e intensificar a colaboração com nossos fornecedores na região norte-americana. Ele também assumirá a liderança no desenvolvimento contínuo de nossa cadeia de suprimentos norte-americana”, disse Manley.

Gentry-Stuenkel esteve com a montadora em várias funções da cadeia de suprimentos, compras e fabricação desde que ingressou na Chrysler em 1998, inclusive como diretora de operações comerciais do Chrysler Group, diretora de gerenciamento de risco de fornecimento e fluxo inter-regional, e anteriormente como gerente sênior para desenvolvimento global de desenvolvimento de produtos. Ela se tornou chefe de gerenciamento da cadeia de suprimentos na FCA – América do Norte em meados de 2017, substituindo Steve Beahm.

Na conferência Automotive Logistics Global em setembro do ano passado que aconteceu em Detroit, Gentry-Stuenkel foi central nas discussões sobre a escassez de mão-de-obra qualificada e não-qualificada atualmente na indústria de logística automotiva